Conteúdo do site

Comissão de Credenciamento

Período (2016-2017)

  • Presidente  Carlos de Almeida Prado Bacellar – Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas (CV Lattes)
  • Prof. Dr. Dalton de Souza Amorim – Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras de Ribeirão Preto (CV Lattes)
  • Profa. Dra. Lygia da Veiga Pereira Carramaschi – Instituto de Biociências (CV Lattes)
  • Prof. Dr. Luiz Augusto Milanesi – Escola de Comunicações e Artes (CV Lattes)
  • Prof. Dr. Osvaldo Novais de Oliveira Junior (Instituto de Física de São Carlos) (CV Lattes)
  • Prof. Dr. Luis Eduardo Aranha Camargo – Escola Superior de Agricultura “Luiz de Queiroz” (CV Lattes)
  • Dra. Maria Fazanelli Crestana  – Sistema Integrado de Bibliotecas (CV Lattes)
  • Bibliotecária – Eidi Raquel Franco Abdalla – Faculdade de Medicina (CV Lattes)

Período (2013-2014)

  • Presidente Jorge Mancini Filho – Faculdade de Ciências Farmacêuticas
  • Vice-Presidente Rogério Mugnaini – Escola de Artes, Ciências e Humanidades
  • Prof. Dr. Chester Luiz Galvão César – Faculdade de Saúde Pública
  • Prof. Dr. Edson Leite – Escola de Artes, Ciências e Humanidades
  • Profa. Dra. Helena Ribeiro – Faculdade de Saúde Pública
  • Profa. Dra. Lúcia Vilela Leite Filgueiras – Escola Politécnica
  • Profa. Dra. Maria Cristina Castilho Costa – Escola de Comunicações e Artes
  • Bibliotecária Mariza Leal de Meirelles Do Coutto – Sistema Integrado de Bibliotecas
  • Bibliotecário André Serradas – Sistema Integrado de Bibliotecas
  • Bibliotecária Márcia Regina Migliorato Saad – Escola Superior de Agricultura “Luiz de Queiroz”

Presidentes Anteriores

(2013 – 2014) Jorge Mancini Filho (FCF)

Possui graduação em Farmácia e Bioquímica pela Universidade de São Paulo (1970), mestrado (1976) e doutorado (1982) em Ciência dos Alimentos pela Universidade de São Paulo. Realizou pós-doutorado na Universidade da Califórnia – Davis – USA, 1984; e no Karlsruhe Institut fur Technology, Karlsruhe, Alemanhã. 1992. Vogal do Programa Iberoamericano de Ciência e Tecnologia (CYTED), representando o Brasil na área de Agroalimentação nos períodos 2006-2007 e 2008-2009. Presidente do Conselho Diretor da USP-Leste, 2005. Presidente do Programa de Apoio às Publicações Científicas Periódicas da USP 2012-2015. Diretor da Faculdade de Ciências Farmacêuticas da USP nos períodos 2000-2004 e 2008-2012. Presidente da Sociedade Brasileira de Ciência e Tecnologia de Alimentos, biênio 2002-2004. Membro do Conselho Deliberativo da Fundação do Remédio Popular 2012-2015. Membro do Conselho Deliberativo da Sociedade Brasileira de Alimentação e Nutrição 2012-2014. Membro do Comitê Alimentos do Conselho Nacional de Pesquisa (CNPq) 2009-2012. Assessor Científico da Capes, CNPq e Fapesp. Conta com experiência na área de Ciência e Tecnologia de Alimentos, atuando, principalmente, nos seguintes temas: alimentos, atividade antioxidante de compostos não vitamínicos presentes nos alimentos, ácidos graxos trans, conjugados e poliinsaturados.

(2009 – 2012) Adalberto Pessoa Junior (FCF)

Docente da Faculdade de Ciências Farmacêuticas da Universidade de São Paulo desde 1998, graduou-se em Engenharia de Alimentos pela Universidade Federal de Viçosa (1984), cursou mestrado em Tecnologia Bioquímico-Farmacêutica pela Universidade de São Paulo (1991), doutorado em Tecnologia Bioquímico-Farmacêutica pela Universidade de São Paulo (1995) – com doutorado-sanduíche na Alemanha (Gesellschaft fur Biotechnologische Forschung – GBF) e pós-doutorado no Massachusetts Institute of Technolgy (MIT), USA. Obteve título de livre-docente em 2001; é professor titular (MS-6) desde 2006; é coordenador do Programa de Pós-Graduação em Tecnologia Bioquímico-Farmacêutica e presidente da Comissão Coordenadora do Programa; vice-presidente da CPG (Comissão de Pós-Gradução) da Faculdade de Ciências Farmacêuticas da USP; é editor-chefe do periódico Brazilian Journal of Microbiology; é presidente da Sociedade Brasileira de Microbiologia; é vice-presidente da Associação Latino-Americana de Microbiologia; é presidente da Comissão de Credenciamento do Programa de Apoio às Publicações Científicas Periódicas da USP; é orientador dos cursos de mestrado e doutorado no Programa de Pós-Graduação em Tecnologia Bioquímico-Farmacêutica da FCFUSP e em Biotecnologia Interunidades do ICBUSP; é coordenador da Rede Brasileira de Biotecnologia Farmacêutica do INCT_IF; é membro do corpo docente do Colégio de Doutorado da Universidade de Gênova (Itália) e professor convidado do curso de mestrado em Energías Renovables da Universidad Autónoma de Guadalajara (México). Atua, sobretudo, nos seguintes temas: biotecnologia farmacêutica – processos biotecnológicos, com ênfase em fermentação, produção, purificação e aplicação de biomoléculas de interesse industrial. É autor de 97 artigos publicados em periódicos internacionais indexados pelo ISI Web of Science, com 747 citações e Fator H igual a 15.

(2006 – 2009) Isabel Amélia Costa Mendes (EERP)

Graduada em Enfermagem (1968) e Enfermagem de Saúde Pública (1969) pela Escola de Enfermagem de Ribeirão Preto USP (EERP-USP); mestre em Ciências da Enfermagem UFRJ (1975); doutor (1986) e livre-docente em Enfermagem (1989) pela EERPUSP. É professor titular da EERPUSP desde 1991 e pesquisadora 1A do CNPq. Integrou o Comitê Assessor Multidisciplinar de Saúde do CNPq representando a área Enfermagem nos triênios 1996/1998 e 2001/2004, exercendo nos dois  períodos a função de coordenador do Comitê. Foi diretora da EERPUSP em dois mandatos (1994-1998 e 2002-2006), vice-diretora (1990-1994) e nos mesmos períodos, diretora do Centro Colaborador da OMS para Pesquisa em Enfermagem. Presidiu a Rede Pan-Americana de Centros Colaboradores da OMS para o Desenvolvimento da Enfermagem (PANMCC), de 2003 a 2005. Presidente da Comissão de credenciamento de revistas para o Programa de Apoio às Publicações Científicas Periódicas da USP de 2006 a dezembro 2009. Coordenadora da Rede Ibero-Americana de Editoração Científica em Enfermagem, desde novembro de 2006. Por designação da diretora da EERPUSP, exerce a função de diretora do Centro Colaborador da Organização Mundial da Saúde para Desenvolvimento da Pesquisa em Enfermagem desde agosto de 2006. Integra o Telenursing Network Advisory Group do Conselho Internacional de Enfermeiros (ICN). É membro do conselho editorial do periódico Nursing Ethics, do Centro Internacional de Ética em Enfermagem. Integra o Conselho Geral da Escola Superior de Enfermagem da Universidade de Coimbra, Portugal (2009-2013). Foi Coeditora da Revista Latino-Americana de Enfermagem no período de 09 de 2000 a 09 de 2009. Presidente do Capítulo Rho Upsilon da Sigma Theta Tau Internacional (STTI)-Sociedade Honorífica de Enfermagem EERPUSP, de 2006 a 2008. Membro da Academia de Ciências de Ribeirão Preto, desde setembro de 2006. Membro do Conselho Municipal de Ciência e Tecnologia – Ribeirão Preto, de 2007 a 2008. Conta com experiência na área de Enfermagem Fundamental com ênfase em Comunicação, Gestão e Liderança em Enfermagem,Ciência & Tecnologia em Enfermagem, Telenfermagem e Educação a Distância. Desde Julho de 2007 é eleita secretária geral da Rede Global de Centros Colaboradores da OMS para Enfermagem e Obstetrícia.

(2003 – 2006) Ricardo Ribeiro Terra (FFLCH)

Professor titular de Teoria das Ciências Humanas da Universidade de São Paulo (USP), pesquisador do Cebrap e bolsista de produtividade em pesquisa do CNPq (IA). Graduou-se (1971), doutorou-se (1981), obteve o título de livre-docente (1998) em Filosofia pela USP; e o diplôme d´études approfondies en Philosophie pela Université de Paris I Panthéon-Sorbonne (1977). Foi Presidente da Comissão de Consultores da Área de Filosofia/Teologia da Capes (1991 a 1995), membro do Comitê de Assessoramento de História e Filosofia (CA HF) do CNPq (2002-2005) e presidente da Sociedade Kant Brasileira (2006-2010). É atualmente editor dos Cadernos de Filosofia Alemã, editor associado da revista Analytica, pesquisador principal do Projeto Temático da Fapesp: Moral, Política e Direito: Autonomia e Teoria Crítica, coordenador pela parte brasileira do Acordo Capes/COFECUB 718/11 Democracia, Poderes e Direito (USP, UFPR, Rennes II, Paris I), membro da coordenação de Ciências Humanas (Filosofia) da Fapesp, membro da CERT/USP. Possui experiência nas áreas de Filosofia Política, Ética, Teoria das Ciências Humanas e Teoria Crítica.

(1999 – 2002) Esther Goldenberg Birman (FO)

Possui graduação em Odontologia pela Universidade de São Paulo (1961) , especialização em Ciências Biológicas (Microbiologia) pela Universidade de São Paulo (1967) , especialização em Aperfeiçoamento em Ïmunologia Básica pelo Instituto Butantã (1977) , especialização em Técnicas de Imunohistoquímica pelo Instituto Adolpho Lutz (1995) , especialização em Bases Para o Diagnóstico e Tratamento de Tumores pelo Instituto Central Hospital A. C. Camargo (1974), doutorado em Odontologia (Patologia Bucal) pela Universidade de São Paulo (1972) , pos-doutorado pela Universidade de São Paulo (1986) , pós-doutorado pela Universidade de São Paulo (1995) e pós-doutorado pelo Instituto Butantã (1977) . Atualmente é professor titular da Universidade de São Paulo. Conta com experiência na área de Odontologia. Atuando, principalmente, nos seguintes temas: Macrófagos, Granulomas Experimentais, Imunologia, Ciclofosfamida.

(1997 – 1999) Carlos Alberto de Bragança Pereira (IME)

É graduado em Estatística pela Escola Nacional de Ciências Estatísticas (1968), obteve o mestrado em Estatística pela Universidade de São Paulo (1971) e o doutorado em Estatística – Florida State University (1980). É portador do título de livre docente obtido em 1984 e foi aprovado em concurso de docente adjunto em 1988. É professor titular da Universidade de São Paulo desde 1990. Possui experiência nas áreas de Probabilidade e Estatística, com ênfase em Fundamentos da Estatística, atuando, principalmente, em aplicações médicas, biológicas e financeiras. Seus temas preferidos são Predição Bayesiana, Testes de Hipótese e Bioinformática. Atualmente chefia o departamento de Estatística do IMEUSP e é pesquisador principal de projeto temático da Fapesp. Participou ou participa de inúmeras bancas de concurso da carreira docente, de defesa de mestrado ou doutorado. Concursos esses tanto na USP como em outras universidades brasileiras ou internacionais, como em Portugal, Chile e EUA. Foi observador da OEA em diversas eleições da América Latina. Não listou apresentações em congresso para não haver duplicação de informação de trabalhos relevantes. Atua como consultor ad hoc do CNPq, Capes e Fapesp. Embora com mais de 700 citações, o Índice de Produtividade H é 14.

(1996 – 1997) Therezinha Apparecida Porto Ancona Lopez (IEB)

Nome literário: Telê Ancona Lopez. Possui graduação em Letras Neolatinas pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (1961), especialização em Teoria Literária e Literatura Comparada, Literatura Brasileira e Literatura Portuguesa pela Universidade de São Paulo (1962), mestrado em Letras (Teoria Literária e Literatura Comparada) pela FFLCHUSP (1967) e doutorado em Letras (Teoria Literária e Literatura Comparada) pela FFLCHUSP. (1970). Foi aprovada em concurso de livre-docência em Literatura Brasileira na FFLCHUSP e em concurso de titularidade no IEBUSP. É professora titular da Universidade de São Paulo. Ministra cursos de graduação e pós-graduação, e orienta projetos de iniciação científica, mestrado, doutorado e pós-doutorado. Estuda especialmente o modernismo brasileiro, as vanguardas européias, os gêneros de fronteira, a crítica textual e a crítica genética, tendo publicado livros e artigos nessas áreas. Foi curadora do Arquivo Mário de Andrade no IEBUSP, até 2008. É atualmente coordenadora do projeto temático Fapesp, Estudo do processo de criação de Mário de Andrade nos manuscritos de seu arquivo, em sua correspondência, em sua marginália e em suas leituras – 2006-2010. Formou mestres e doutores. É coordenadora das edições de texto apurado, acrescidas de estudos e dossiê de documentos, no projeto IEBUSP, Nova Fronteira, desde 2007.

(1990 – 1995) Gerhard Malnic (ICB)

Gerhard Malnic concluiu o doutorado em Ciências (Fisiologia Humana) pela Universidade de São Paulo em 1960. Atualmente é professor titular da Universidade de São Paulo. Publicou 135 artigos em periódicos especializados e 121 trabalhos em anais de eventos. É autor de 13 capítulos de livros e de dois livros publicados. É autor de 10 itens de produção técnica. Orientou oito dissertações de mestrado e 18 teses de doutorado nas áreas de Fisiologia e Biofísica. Atua na área de Fisiologia, com ênfase em Fisiologia Renal. Em suas atividades profissionais interagiu com 96 colaboradores em coautorias de trabalhos científicos. Em seu currículo Lattes os termos mais frequentes na contextualização da produção científica, tecnológica e artístico-cultural são: bicarbonato, H-ATPase, microperfusao, Ph celular, acidificacao Urinaria, pH, potássio, Ion H, Permuta Na/H e cultura celular. Foi diretor do Instituto Ciências Biomédicas, e do Instituto Estudos Avançados, da USP. Membro titular, Academia Brasileira de Ciências Academia de Ciências do Estado de São Paulo e Academia de Ciências da América Latina. Membro corpo editorial: Kidney International, 1972-1975; Brazilian Journal Biol. Med. Research, 1981-1991; American Journal of Physiology, Renal, membro Editorial Reviews Board, 1999-2007; Physiological Reviews, editor correspondente para a América Latina, 1975-1980, 1999-2006.

(1986 – 1989) Myaki Issao (FO)

Graduado em Odontologia pela USP, como pós-doutorado e livre docência também pela USP, desenvolveu atividades em órgãos e instituições como CNPQ, Fapesp, Sociedade Brasileira de Pesquisas Odontológicas, UEL e USP. Ocupou os cargos de diretor da Faculdade de Odontologia da USP, coordenador da Câmara de Extensão e Serviços à comunidade USP e presidente do Conselho Supervisor do Sistema Integrado de Bibliotecas da USP.

Fim do conteúdo, você pode: